PECADOS GAMÍSTICOS!

Seguindo a tendência dos amigos do Gaga Games, Retroplayers, GLStoque, Game Retrô e outros, elaborei a minha própria lista de pecados gamísticos, aquelas confissões que envergonham qualquer retrogamer digno de assim ser chamado. Conto com a piedade e compreensão de vocês, e que possam orar por minha alma para que eu não seja punido em excesso no além-vida por estes pecados horrendos …

PECADO Nº 1: O ÚNICO RPG DE VIDEOGAME QUE TERMINEI NA VIDA FOI PHANTASY STAR DO MASTER SYSTEM


Sim, eu confesso!!! Adoro RPGs, joguei Dungeons & Dragons e AD&D com amigos na adolescência, colecionei livrinhos da série Aventuras Fantásticas e sou fã de Lord of the Rings. Mas dos incontáveis RPGs de console que joguei na vida, o ÚNICO que terminei foi o clássico PHANTASY STAR do Master System. Creio que o ano foi 1994 e 1995, e eu jogava esse jogo no meu Game Gear com adaptador para cartuchos de Master System (e com o Super Wide Gear para aumentar o tamanho da tela). Eu adoro Dragon Warrior, Grandia II, Legend of Dragoon, Final Fantasy e assemelhados, mas RPGs levam dezenas de horas para serem finalizados, e eu simplesmente não tenho paciência pra gastar mais do que 10 ou 15 horas envolvido com uma campanha de jogo. Vale frisar que eu virei também o DIABLO original do PC, mas quem conhece sabe que é um  estilo de RPG totalmente diferente.

.

.

PECADO Nº 2: O ÚNICO MEGA MAN QUE TERMINEI NA VIDA FOI O CURTO MEGAMAN II DO GAME BOY CLÁSSICO


Passei a infância babando nos games da série Mega Man do NES, mas o único jogo da série que terminei foi o curto e relativamente fácil (para os elevadíssimos padrões da série) Mega Man II do Game Boy clássico. Nunci virei outro game da série, nem nos consoles originais, nem em emuladores. Ou seja: NUNCA virei um Mega Man do NES, do Super Nes ou do Playstation, NUNCA virei um Mega Man X do Super Nes e NUNCA virei um Mega Man Zero do Game Boy Advance ou Nintendo DS. E olha que nem estou entrando no mérito de outras séries “spin-off” como Mega Man Battle Network, a qual não curto. Realmente, uma falha GRAVE no meu currículo retrogamer.

.

.
PECADO Nº 3: TIVE UM MSX E NUNCA JOGUEI METAL GEAR E NEM VAMPIRE KILLER


Essa é foda. O microcomputador oitentista MSX provavelmente tem como maiores orgulhos em seu currículo o fato de ter trazido ao mundo as séries Metal Gear e Castlevania (Vampire Killer também é da Konami e, apesar do nome diferente, já continha todos os elementos tradicionais do que viria a ser a série Castlevania). Só que, nos três anos e meio em que tive um MSX, nunca joguei nenhum desses dois clássicos supremos. Mas antes que vocês mandem os demônios do inferno levarem minha alma, apresento um argumento técnico de defesa: esses dois games foram lançados para o padrão MSX 2, e o meu computador, que era um Expert da Gradiente, era compatível com o padrão MSX 1. Portanto, mesmo que eu conhecesse esses games na época e tivesse tido a intenção de jogá-los, não seria possível. Mas eu não os conhecia …

.

.

PECADO Nº 4: NUNCA TERMINEI NENHUM SHOT’ EM UP NA VIDA

Adoro shot’em ups, os famosos “games de navezinha”. Zanac, Terra Cresta, 1942, Tyrian, Sky Jaguar, Aleste, Ikaruga, Raiden … a lista vai longe. Mas nunca, NUNQUINHA cheguei ao final de nenhum game do estilo. E aqui nem posso alegar a “falta de paciência” que tenho com RPGs, portanto a culpa é da minha inabilidade enquanto jogador mesmo!

.

.

PECADO Nº 5: NUNCA TERMINEI SUPER MARIO BROS 3 DO NES

Cresci apaixonado pelos games da série Super Mario Bros. Não os joguei tanto quanto queria na infância e adolescência, mas depois de adulto tratei de tirar o atraso: terminei SUPER MARIO BROS 2 e SUPER MARIO WORLD nas suas versões para Game Boy Advance, terminei SUPER MARIO BROS nos emuladores e joguei SUPER MARIO BROS 3 na versão do Game Boy Advance … mas não terminei o jogo! Ou seja, estamos em 2010, o game existe há VINTE ANOS, muitos o consideram o melhor jogo do Mario de todos os tempos e eu AINDA não o terminei. Meu Deus, que vergonha!!! Parem de olhar pra mim, me deixem em paz!!!

“E esta é por nunca ter terminado nenhum Final Fantasy, seu pretenso retrogamer de meia tigela!!!”

.

ATUALIZAÇÃO: segue abaixo a relação completa dos retroblogs envolvidos no projeto “Pecados Gamísticos”. A lista é uma contribuição do retroblog GLStoque. Valeu, parceria!

A Link to The Past
http://newbaforever.wordpress.com/2010/02/21/meme-pecados-gamisticos/

Blog do Gustavo

http://gugastavo.wordpress.com/2010/02/24/preguica/

Cemetery Games
https://cemeterygames.wordpress.com/2010/03/12/pecados-gamisticos/

Dimensão X
http://dimensaoxis.blogspot.com/2010/02/pecados-gamisticos-do-oraculo.html

DingooBR (Sandro “Tandrilion”)
http://www.dingoobr.com/?p=1896

DingooBR (Zolini)

http://www.dingoobr.com/?p=1819

First Stage
http://firststage.wordpress.com/2010/01/31/confissoes-de-um-gamer-desencaminhado/

Gaga Games

http://www.gagagames.com.br/?p=11726

Game Retrô
http://gameretrobrasil.blogspot.com/2010/01/45-revelacoes-bombasticas-no-gameretro.html

GLStoque
http://glstoque.blogspot.com/2010/02/pecados-gamisticos-glstoque.html

MMOPlayers

http://www.mmoplayers.com.br/news/pecados-gamisticos-as-confissoes-de-stuka/

New Old Players
http://newoldplayers.blogspot.com/2010/02/pecados-gamisticos-new-old-players.html

Nostalgia & Tecnologia

http://nostec.wordpress.com/2010/02/18/pecados-gamisticos-do-lord/

RetroNewsForever

http://retronewsforever.blogspot.com/2010/03/rapidinhas-do-nesbitt-inquisicao.html

Retroplayers
http://www.retroplayers.com.br/?p=3557

Anúncios

13 pensamentos sobre “PECADOS GAMÍSTICOS!

  1. Cacilds! Os mais brabos na minha opinião foram o dos jogos de nave e do Super Mario Bros. 3.

    Eu não sou um perito nesses jogos de nave, mas alugava sempre o Sonic Wings do Super Nes. O mais engraçado é que eu nem me importava com o fato do último chefe ser um gorila gigante voador…

    Já no caso do Super Mario 3, eu tive o jogo no meu primeiro NES, ams só consegui ver o fim dele quando ganhei o Super Mario All Stars pro Super Nes.

    O caso dos RPGs (se é que existe algum RPG pra video game mesmo…) é até perdoável, pois mesmo os melhores deles sempre tem algum trecho chato e desinteressante pra torrar a paciência do jogador, o que faz com que as pessoas eventualmente desistam.

  2. RPGs? É blasfêmia!
    Navinha? É blasfêmia!
    São uma vertente muito importante dos videogames, não podem ficar sem zeramento na ficha de um jogador.

    Você não tinha amigos? Porque mesmo com pouca habilidade dá para terminar com os ShutUp de dois, e maneira mais fácil. STG que o diga.

    MegaMan eu já estou acostumado. Pelo menos você terminou um e ainda é fã da série. Acho que passa.

    Agora Super Mario Bros 3. é bem pesado. Eu mesmo só o terminei no ano passado. Era muito novo na época que tinha o cartucho. E olha, que era uma versão pirata em que o Mario podia escolher qualquer poder antes de entrar na fase. Maldito 5º Mundo. Só depois de velho que fui vencê-lô.

    Como você deve saber (se não souber vai no Gagá) estamos organizando uma redenção coletiva para não sermos surpreendidos com alguma RedLight em lugares inesperados. Então bora salvar sua alma?

  3. Ainda não decidi qual foi o pior pecado: nunca ter zerado um shoot ‘em up ou nunca ter jogador os maiores clássicos do MSX… mas o lance do MSX2 alivia a sua barra. O meu também era 1, mas eu tinha um amigo que tinha o 2 e uma penca de jogos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s