Total Recall (Nes, 1990)

Joguinho lançado em 1990 pela Acclaim e Interplay, baseado no filme de mesmo nome, que chegou aqui no Brasil “traduzido” como O Vingador do Futuro (uma das “traduções” mais aproveitadoras e safadas de que se tem notícia, buscando associar o filme a outro sucesso também estrelado por Arnold “Governador” Schwarzennegger.)

nes_totalrecall02

O game tem um visual legal e algumas fases interessantes, retiradas de momentos do filme, mas no geral é um jogo ruim, MUITO ruim.

Primeiro ponto fraco: a jogabilidade tacanha. Seu personagem soca os inimigos com soquinhos curtos e fracotes, lutando como se fosse um deficiente físico ou mental (ou os dois). É pequena a chance de não apanhar muito até derrubar os MARGINAIS que assediam o jogador.

Segundo ponto fraco: uma série de coisas babacas e sem qualquer relação com o filme acontecem ao longo do jogo . Exemplo: andando pelas ruas na primeira fase, cada vez que você passa por um beco sem pular por ele, inexplicavelmente aparece um MENDIGO BATEDOR DE CARTEIRAS safado que te leva pro beco para brigar! Em pouquíssimo tempo o jogador pega um genuíno NOJO dessa coisa de ser arrastado para os becos de novo e de novo. Pior: você só pode sair de lá depois de detonar dois ou três mendigos. Um verdadeiro pé no saco!

nes_totalrecall01

Mais para frente, o game reserva outros momentos de desafio bizarro, como por exemplo um inimigo que ataca … atirando um chapéu no jogador. Ahnn … O QUE? Você lembra disso no filme? Eu, com certeza, não. Esse cara é pra ser quem, o Michael Jackson?!?

De regra, games baseados em filmes não são grande coisa, e Total Recall não é exceção à regra. Lembro que lá por 1993 eu tinha um amigo que tinha um Nes (mais precisamente, um clone nacional chamado Dynavision III) e ele tinha também este cartucho. Nós jogávamos o game e notávamos que tinha alguma coisa de errado. Na época, a gente pensava que o problema era a dificuldade. Mas não é isso, o jogo é RUIM mesmo.

Passe longe.

Anúncios

Um pensamento sobre “Total Recall (Nes, 1990)

  1. Lembro bem desse jogo. Na época de piá eu achava muito terror.

    É engraçado que o Arnoldão apanha para anões barbudinhos vestidos de rosa que insistem e chutar-lhe o saco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s